Nas ondas do tempo - Origens e história das rádios e sua importância na comunicação

1 2
  • Torre de emissora de rádio.

  • GRUPO 4

    Primeiras emissoras – As emissoras de rádio desenvolvem-se de fato após a I Guerra Mundial. Durante o conflito, a transmissão das ondas eletromagnéticas fica sob o controle do governo dos países em guerra. Esse atraso na implantação da radiodifusão para o grande público, no entanto, é compensado pelos avanços feitos no período, que facilitam o crescimento das estações de rádio no pós-guerra.

    Em apenas uma década, a radiodifusão espalha-se por todo o mundo. Em 1919 é criada a primeira grande empresa norte-americana de telecomunicações, a Radio Corporation of América, seguida da National Broadcasting Company.

  • O Rádio: Definição e Características

    O rádio é um veículo de comunicação, baseado na difusão de informações sonoras, por meio de ondas eletromagnéticas, em diversas freqüências. Ele pode ser caracterizado como um meio essencialmente auditivo, formado pela combinação do binômio: voz (locução) e música.

  • Juca Ganso.

    Na foto acima Juca Ganso diz que desde criança brincava de rádio com o irmão

    Trabalhar como radialista era um sonho de criança de Ramão Achucarro, que em 2008 completou 50 anos como locutor e morreu nesta quinta-feira 20/08/2009. Ele estava internado no Hospital do Câncer.

    O sonho dele foi revelado pelo irmão, Carlos Achucarro, 80 anos, também radialista, o "Juca Ganso", mas um personagem da história do rádio em Mato Grosso do Sul. “Ele realizou um sonho de criança. A gente brincava de rádio quando éramos criança”, disse Juca.

    Os irmãos nasceram em Ponta Porã e ainda muito pequenos vieram com os pais para Campo Grande, onde se estabeleceram. Ramão trabalhava na Rádio Difusora e ficou conhecido pelo trabalho nos programas “A Hora do Fazendeiro”, “Entardecer no Sertão” e “Despertador Musical”.

    Juca conta que Ramão foi quem o levou para a área. Falou ainda que Ramão se dedicava muito à profissão. “A vida dele era a rádio. Ele se dedicava em tempo integral”.

    Para Juca, Ramão prestou um grande serviço à sociedade nos programas que era responsável. Ele deixa a esposa, dois filhos e três netos. A esposa estava no velório, mas, muito abalada, não quis dar entrevista.

    Para o radialista Wilson Aquino, a morte de Ramão é uma perda muito grande para a classe. "Ramão é um exemplo como profissional para outros trabalhadores da área".

    Wilson disse ainda que a morte dele “vai deixar muita saudade”. “A lacuna que abre vai ser difícil de ser preenchida, principalmente no meio sertanejo”.

    De acordo com José Francisco Bacaro, diretor comercial da rádio Mega 94,3, Ramão era uma espécie de “faz tudo” no estúdio. Segundo José Francisco, as atividades feitas por vários profissionais no estúdio, Ramão sabia fazer sozinho. Na época que Ramão começou o trabalho era muito manual, não havia a tecnologia que existe hoje.

    O sepultamento de Ramão está marcado para as 16h30 no cemitério Parque das Primaveras, local onde é realizado o velório.

    Ramão nasceu em 29 de agosto de 1930 e completaria 79 anos

  • No dia 12 de dezembro de 1901, o cientista italiano Guglielmo Marconi inaugurava gloriosamente a era das telecomunicações de longa distância por ondas de rádio. É uma data com um enorme significado histórico, pois foi nela em que se estabeleceu, pela primeira vez, comunicação pelo éter entre dois continentes. Um sinal de rádio foi enviado de Poldhu, em Cornwall, na costa oeste da Grã-Bretanha, para St. John, em Newfoundland, no Canadá, atravessando quase que instanteamente 3.000 km sobre as águas e a atmosfera gelada do Atlântico Norte. Marconi estava em Newfoundland, e ouviu os três pontos típicos do código Morse para a letra "s".

    Marconi declarou para a imprensa: "Confirma-se o fato no qual acreditei por tanto tempo: não existe distância na Terra que as comunicações para o rádio não possam conquistar". Ele tinha derrotado as previsões de outros cientistas, que afirmavam que as ondas de rádio, que caminham em linha reta desde o seu ponto de emissão, nunca poderiam alcançar outros pontos localizados a grandes distâncias na superfície da Terra, devido à sua curvatura. Este é o chamado "problema da linha de visada", ou seja, os dois pontos entre os quais se vai fazer a transmissão precisam estar situados na mesma linha reta de visão. É por isso que existem tantas antenas enormes em cima de morros, prédios, etc.: quando mais alta for a antena de transmissão, mais longe ela consegue alcançar com seu sinal. Uma linha de transmissão terrestre pode ser construida, portanto, colocando antenas de retransmissão a distâncias regulares umas das outras, e passando o sinal entre elas. O problema é que isso não dá para fazer nos mares e oceanos e em muitos outros lugares inóspitos da Terra.

  • Hoje em dia, basta ligar a TV, o rádio, ou navegar na internet para obter informações sobre qualquer assunto, com grande rapidez.

    Livros, jornais e revistas trazem até as nossas casas informações sobre tudo que está acontecendo no mundo.

    Antigamente, as informações demoravam bastante tempo para chegar ao se destino.

    As cartas são um dos mais antigos meios de comunicação utilizados pelos seres humanos.

    Para entregar uma carta, no passado, eram utilizados mensageiros.

    O correio é um serviço inventado para enviar e responder correspondências e objetos.

    No passado, uma carta enviada a outro estado demorava meses para chegar a seu destino. Atualmente, cartas destinadas a cidades do mesmo estado costumam demorar apenas um dia para serem entregues. Quando uma carta é enviada para outros estado, ela será entregue no máximo em três dias.

    O correio também é responsável pelo envio de telegramas, que chegam muito mais rápidos que as cartas.

  • Hoje em dia, basta ligar a TV, o rádio, ou navegar na internet para obter informações sobre qualquer assunto, com grande rapidez.

    Livros, jornais e revistas trazem até as nossas casas informações sobre tudo que está acontecendo no mundo.

    Antigamente, as informações demoravam bastante tempo para chegar ao se destino. As cartas são um dos mais antigos meios de comunicação utilizados pelos seres humanos.

    Para entregar uma carta, no passado, eram utilizados mensageiros.

    O correio é um serviço inventado para enviar e responder correspondências e objetos.

    No passado, uma carta enviada a outro estado demorava meses para chegar a seu destino. Atualmente, cartas destinadas a cidades do mesmo estado costumam demorar apenas um dia para serem entregues. Quando uma carta é enviada para outros estado, ela será entregue no máximo em três dias.

    O correio também é responsável pelo envio de telegramas, que chegam muito mais rápidos que as cartas. LUCÉLIA, DANIELA , GLEYCE

1 2